Skip to content

Como converter um formato de arquivo Java .JAR para Android .APK facilmente

15 de junho de 2021

Hoje, a tecnologia é uma parte importante de nossas vidas. Existem muitos tipos de dispositivos, todos com um tipo de aplicativo que eles reconhecem e, às vezes, queremos usar um aplicativo criado para um determinado dispositivo, em um diferente. Então, hoje nós mostramos a vocês Como converter um arquivo Java .JAR para Android .APK facilmente.

O que é JAR?

JAR é um arquivo Java. É um tipo de arquivo compactado que contém todos os informações necessárias para executar um aplicativo dentro da estrutura Java.

Dentro de um arquivo JAR você encontrará todas as classes e diretórios necessários para executar um aplicativo, bem como seus metadados, logotipos e arquivos de texto. Como você pode imaginar, o arquivo JAR é um Arquivo zip, que pode ser descompactado usando o WinRar ou outro descompactador popular.

Usado para?

Java é uma linguagem muito comum com muitos usos e, como tal, tem muitas extensões de arquivo associadas. O Arquivos JAR em particular, eles são usados ​​para executar aplicativos em qualquer estrutura Java. Um exemplo disso seria o jogo Minecraft, que roda a última versão do Java.

O uso mais difundido de arquivos Java foi em telefones com o sistema Java ME ou Java 2ME. Esses telefones usaram arquivos JAR para empacotar todos os seus aplicativos.

Nesses telefones, os arquivos JAD eram usados ​​em conjunto com os arquivos JAD. Nesse sentido, JAR (em conjunto com os arquivos JAD) é o antigo equivalente do APK, o arquivo sobre o qual falaremos a seguir.

O que é APK?

Caso você não saiba o que é um arquivo APK, explicaremos em detalhes aqui. Basicamente, é um arquivo criado para empacotar e instalar aplicativos no sistema Android. Como o JAR, é um arquivo compactado e pode ser descompactado usando WinRar ou outro descompactador popular.

Ao instalar um aplicativo no Android através da loja Google, Google Play; Ele é responsável por baixar o arquivo APK e instalá-lo. Também podemos instalar um arquivo APK nós mesmos, algo que muitos de nós fazemos quando precisamos de um aplicativo que não está disponível em Google Play, ou nosso telefone não tem acesso à loja.

APK não é apenas como um irmão mais novo de JAR, mas é considerada uma linguagem estendida dele. É um equivalente do JAR que é usado para as mesmas funções, mas em um ambiente diferente: O sistema operacional Android.

Por fim, após baixar esses tipos de arquivos, recomendamos que você verifique se o aplicativo APK é seguro, já que alguns podem ser falsos ou conter algum tipo de malware que pode danificar seu celular.

Como converter de um para o outro?

É difícil saber exatamente como converter um arquivo JAR em um APK, e o processo vai depender do tipo de arquivo JAR que queremos converter.

Os aplicativos JAR foram criados para e-mail com Java, e se o aplicativo em particular foi projetado para um android, basta fazer uma conversão simples. Mas se não foi, vamos precisar de algumas complicações.

redes sociais android

Maneira simples

Se o aplicativo foi criado para rodar em um dispositivo Android e só falta o formato APK, basta usar um dos muitos conversores online que estão disponíveis. Um dos conversores mais populares são as extensões de arquivo.

Usando o código-fonte

Se você é um programador e tem acesso ao código-fonte do arquivo JAR com o qual está trabalhando, a coisa mais fácil é compilar o código fonte em um APK. Se você não é um programador, é recomendável que pergunte a um ou aprenda a fazer isso.

Usando um emulador

Na maioria dos casos, essa é a maneira mais conveniente. Existem aplicativos para Android que são responsáveis ​​por executar aplicativos JAR sem a necessidade de convertê-los.

O mais conhecido é MicroEMU, que está disponível no GitHub no momento da escrita. Isso permite que você execute aplicativos feitos para Java ME, o sistema usado pela Nokia, Motorola, Sony Erickson e telefones semelhantes na era pré-smartphone.

Outro aplicativo que faz isso é Carregador J2ME, disponível no Google Play. Ele roda aplicativos feitos para Java 2ME, a versão original do Java ME, também usado pela Nokia e seus concorrentes há alguns anos.

O mais importante em todos esses processos é levar em consideração a tecnologia com a qual você está lidando. Conforme a tecnologia avança, muitos programas e linguagens muito comuns estão sendo esquecidos. Tentar recuperá-los pode ser difícil, mas sempre vale a pena. Não se renda!